Notícia

  • Compartilhe:
  • Envie para um amigo:

Convide Amigos


Enem 2013: Destaque para aluna da Associação Vencer


Enem 2013: Nota da redação de alunos com mesma renda familiar varia de acordo com rede de ensino

 

Oportunidade. Beatriz entrou em colégio particular e virou melhor aluna Gustavo Miranda

Quem entra no Colégio Pensi de Madureira, na Zona Norte, dá de cara com uma foto da estudante Beatriz Fernandes Rodrigues, de 18 anos, destacada como a melhor aluna da unidade em 2012. Conquistar o posto não foi fácil. A garota, que mora em Rocha Miranda, ingressou na instituição por um programa da Associação Vencer, que garante bolsa integral, material escolar e passagem de ônibus para ex-alunos da rede pública. Ao chegar no colégio, cuja mensalidade do 3º ano é R$ 1.300, Beatriz viveu um choque de realidade:

- Nunca tinha visto um iPhone de perto, não conhecia marcas de roupas e ficava completamente perdida diante de todas aquelas fórmulas de química e física que os professores ensinavam - recorda-se, sobre o seu 1º ano.

As notas baixas nessas disciplinas foram inevitáveis, mas ela se debruçou sobre os estudos. Revisava o conteúdo nos intervalos das aulas e corria atrás dos professores pelos corredores do colégio para tirar dúvidas.

- Era a oportunidade da minha vida. Se não fosse a bolsa, talvez não teria como entrar numa boa universidade. Muitos dos meus colegas que ficaram nas escolas públicas nem vão fazer o Enem, porque estão desestimulados. Alguns já estão até trabalhando, ganhando salários bem baixos - relata.

Beatriz quer cursar Direito e já garantiu conceito “A” na primeira fase da prova da Uerj. Está confiante para o Enem. Ao longo do ano, fez cerca de 20 simulados e contou com aulas sábados e domingos.

- Todas essas oportunidades me mostraram que sou capaz de conseguir o que quiser - conclui.

Mesmo entre estudantes de famílias com renda entre 15 e 30 salários, o desempenho médio na redação apresenta diferenças, quando comparado com a rede administrativa das escolas. Novamente, os alunos da rede federal obtém desempenho médio melhor (689 pontos), seguido das escolas privadas (652 pontos), estadual (562 pontos) e municipal (553 pontos). No comparativo, a nota média dos alunos da rede federal é 24,5% maior que os estudantes de alta renda da rede municipal.

 

Fonte: http://oglobo.globo.com/educação/enem-2013


O Globo

Selecione o imóvel de seu interesse: